Neutros de Carbono

O envelope, referente cultural

O envelope, se não é o utensílio mais universal, é sem dúvida um dos símbolos mais generalizados da nossa cultura. É também um ponto de vista privilegiado e não só do correio epistolar ou da correspondência mas do mundo da cultura em geral. Aberta esta janela aparece todo um mundo.

Abrimos esta secção às colaborações de quem saiba ver, sob esta visão do envelope, textos, acontecimentos e toda sorte de referentes culturais: Literatura, Historia, Pintura etc.. Entraremos em contacto consigo.

Se deseja fazer-nos alguma sugestão, entraremos em contacto consigo. Clique aqui..

Dois monumentos da história da cultura merecem abrir esta janela da cultura: primeiro O QUIXOTE e, seguindo-lhe, O CAPITAL de Karl Marx.

Índice de: Envelopes, Todo Um Mundo

Envelopes, Todo Um Mundo

Associações nacionais e internacionais, através dos seus organismos, publicações e congressos, são testemunhas da realidade e da evolução do mundo do envelope e dos seus fabricantes.

[Continúa]

Evolução e história

  1. Do "sobrescrito" ao "envelope".
    • Do francês "enveloppe" (e o seu empréstimo ao inglês " envelope") surge como "envoltório" ou coberta, o que é hoje um "envelope", em espanhol a palavra "envelope" é devedora e apócope do "sobrescrito" ou texto que identificava ao destinatário sobre o próprio papel fechado da carta.
[Continúa]

A linguagem dos envelopes

Os envelopes falam

"Abre-me!" e "Responde!" são duas palavras mágicas que criativos e profissionais de Marketing tentam que digam os seus envelopes de envio ou de resposta.

[Continúa]