Neutros de Carbono

A linguagem dos envelopes

Palas

São as partes do envelope que, cruzando-se, constituem o verso do envelope: a pala de fecho, a de fundo e as laterais.

Várias formas e tamanhos

As palas definem o produto em função da sua forma e tamanho; e além disso, elas devem entender e falar a linguagem das envelopadoras porque não todas as palas, ângulos e decotes se comportam da mesma forma quando se trata de envelopar os documentos; ainda mais: algumas envelopadoras rejeitam certas palas. Imprescindível falar essa linguagem.

Variados desenhos e possibilidades

Variados desenhos possíveis convertem-se em eficazes aliados dos mailings de marketing directo e venda por correspondência. Com as palas laterais formam-se bolsos interiores com nome próprio, "coin-pocket", porta-moedas ou surpresas para o seu jogo. No envelope-saco as palas laterais podem ir coladas por cima ou por baixo da pala de fundo. Não é só questão estética; as envelopadoras não se comportam da mesma forma num caso ou noutro.

Podemos fazer talões descartáveis com prolongamentos da pala de fundo, como no caso do envelope de resposta comercial "bangtail", ou da pala de fecho, como no caso do envelope de resposta "retorno alemão".

Nomes das palas

A forma da pala de fecho tem diferentes conotações: Bico, como no caso do envelope ministro para correspondência epistolar. Trapezoidal, recta, circular... para correspondência formal, administrativa, comercial... Em geral as palas aportam confidencialidade aos conteúdos do envelope. Para lograr este fim, colocam um papel importantíssimo nos tipos e qualidades de fixação, como todos os sistemas de detecção da abertura do envelope como o "open plus".

Mais informação: A linguagem dos envelopes

Índice de: Envelopes, Todo Um Mundo

Envelopes, Todo Um Mundo

Associações nacionais e internacionais, através dos seus organismos, publicações e congressos, são testemunhas da realidade e da evolução do mundo do envelope e dos seus fabricantes.

[Continúa]

A linguagem dos envelopes

Os envelopes falam

"Abre-me!" e "Responde!" são duas palavras mágicas que criativos e profissionais de Marketing tentam que digam os seus envelopes de envio ou de resposta.

[Continúa]